Estratégias de Gestão de Saúde e Bem-estar dos colaboradores

Estratégias de Gestão de Saúde e Bem-estar dos Colaboradores

Tão importante quanto investir no treinamento e desenvolvimento de habilidades dos colaboradores, é apoiar e promover ações de prevenção e manutenção da saúde física e mental, e no bem-estar. Pensando nisto, separamos neste artigo, algumas estratégias de gestão de saúde que podem ser implementadas em sua empresa, com o intuito de promover a saúde física e mental, e o bem-estar de seus colaboradores. Continue lendo para conferir.

Sintoma de estresse, ansiedade ou depressão podem ser reflexo de trabalhadores menos produtivos e empresas com alto índice de absenteísmo e rotatividade. Assim, a saúde nas empresas, passa a ser uma prioridade e algo que vem sendo discutido cada vez mais nos últimos anos.

Isto porque, a empresa passou a ter grande responsabilidade pela saúde física e mental dos seus colaboradores, uma vez que eles passam boa parte de suas vidas no ambiente corporativo.

Apostar em uma gestão de saúde e bem-estar dos colaboradores é uma maneira de impactar diretamente em um ambiente mais produtivo, uma cultura mais fortalecida e um maior engajamento.

Conseguir manter a saúde, e fazer uma boa gestão, com toda certeza, é um desafio. Desafio este que exige planejamento de ações e estratégias eficazes.

Mas, antes de falarmos sobre as estratégias de gestão de saúde, vamos entender um pouco como funciona na teoria. E quais são os benefícios dessas ações.

Boa leitura!

Gestão de saúde e bem-estar nas organizações

Gestão de Saúde e Bem-estar

A saúde nas organizações pode impactar diretamente nos resultados. Assim, quem consegue implementar e desenvolver estratégias de gestão de saúde e bem-estar está um passo à frente da concorrência no mercado. Isto é, acaba sendo um ponto importante não só na humanização das relações de trabalho, como também acaba estabelecendo um diferencial competitivo.

As estratégias de gestão de saúde podem ser implementadas como excelente forma de fornecer serviços de prevenção. Bem como, de abordar as necessidades não satisfeitas pelos cuidados, muitas vezes, padrões.

Manter os colaboradores informados sobre temas relevantes de saúde física e mental é extremamente importante não só para que eles saibam o que é ter uma boa saúde e uma boa qualidade de vida. Mas, também para que saibam identificar quando é preciso buscar uma ajuda profissionais.

Portanto, além de ações estratégicas que visam a prevenção e a promoção de saúde, é importante promover programas e palestras que discutam sobre a saúde e o bem-estar. Bem como ela pode ser cuidada e avaliada no ambiente organizacional.

Todas as ações devem ser planejadas de acordo com a demanda da organização, visando garantir que a saúde física e mental dos colaboradores não seja prejudicada. Veja no tópico seguinte quais são os benefícios dessas ações.

Leia também: Depressão no trabalho: boas práticas para aplicar em sua empresa

Benefícios em apostar na gestão de saúde e bem-estar dos colaboradores

Cuidar da saúde física e mental dos colaboradores é uma forma de olhar com cuidado para esta demanda que cresce cada vez mais. Assim, criando engajamento e senso de pertencimento por parte dos colaboradores, que entendem que são valorizados não só pela mão-de-obra, mas que são valorizados também enquanto seres humanos munidos de sentimentos, e não só de competências técnicas e habilidades em uma história, antes muito desvalorizada.

benefício em implementar estratégias de gestão de saúde

Certamente, colaboradores felizes e satisfeitos trabalham mais motivados e criam uma tendência a se dedicar mais não só pelos seus próprios objetivos, como também pelos objetivos gerais da organização.

Portanto, criar estratégias no sentido de manter a saúde física e mental nas organizações, diminui o absenteísmo, gastos em decorrência de assistência médica, estresse e risco de doenças ocupacionais é extremamente importante. Ou seja, prevenir, certamente é uma estratégia de gestão de saúde mais rentável e mais humanizada.

Melhorar a qualidade de vida e a saúde dos colaboradores

A partir de uma conscientização constante de hábitos de saúde física e mental, acompanhamento profissional e desenvolvimento de estratégicas eficazes sobre doenças crônicas e prevenção de fatores de risco, é possível melhorar expressivamente a qualidade de vida e a saúde de seus colaboradores.

Além disso, a partir desta valorização, é possível criar uma cultura organizacional mais forte, equipes de trabalho engajadas e motivadas. E, consequentemente, alavancar os resultados da organização.

Aumentar a produtividade e melhorar o clima organizacional

Com mais saúde, bem-estar e qualidade de vida, menos adoecimento, estresse ocupacional e insatisfação. Assim, consequentemente, a produtividade e o clima organizacional se tornam mais positivos.

Hábitos que são prejudiciais à saúde podem reduzir a produtividade. E quando você investe em gestão de saúde, você conscientiza colaboradores a adotarem hábitos saudáveis.

Reduzir custos

A gestão consistente de benefícios a partir de análise da saúde do trabalhador. Bem como, ações de conscientização sobre saúde física e mental, podem ser primordiais para um direcionamento mais adequado de recursos humanos e financeiros.

Reter colaboradores e diminuir taxas de absenteísmo

Por fim, ter um plano de saúde de qualidade é um desejo de grande parte dos profissionais. Portanto, oferecer benefícios de qualidade e ações que mostram que a empresa se importa com o bem-estar e a saúde dos colaboradores contribui para a satisfação.

Ao manter colaboradores satisfeitas na organização, os ganhos são em termos de retenção de colaboradores. Além disso, ao investir na saúde dos mesmos, as taxas de absenteísmo podem reduzir consideravelmente. Isto porque, você manterá em sua empresa profissionais engajados e motivados para fazer a diferença, e “vestir a camisa” da empresa.

Estratégias de gestão de saúde e bem-estar

Programas internos e externos de promoção e prevenção podem ajudar. Existem diversas estratégias e ações que podem ser implementadas com o intuito de motivar e incentivar os colaboradores.

E já ficou claro, até o momento, sobre a importância em prezar pela saúde física e mental dos colaboradores. Um benefício que pode ser desfrutado tanto pelos colaboradores, quanto pela empresa.

Continue lendo para conhecer algumas ações que você pode pensar, planejar e começar a implementar hoje mesmo.

bem-estar dos colaboradores

Proporcione um ambiente transparente e agradável

Promover e investir em um ambiente de trabalho mais agradável, com horários mais flexíveis e liderança mais empática, é um excelente ponto de partida para começar a investir na saúde dos profissionais.

Sendo assim, avalie como é o modelo de gestão da sua empresa. Ou seja, se há uma gestão transparente, que considera o desenvolvimento profissional e pessoal de cada um.

Essa ação contribui para a formação de profissionais mais motivados por se sentirem valorizados.

Além disso, desenvolver uma cultura de empatia, com a valorização em escutar o outro é de fundamental importância.

Faça uma pesquisa para entender a necessidade de cada. Para entender como está o clima organizacional, quais são as necessidades e as dores de seus colaboradores. Além disso, questione quais pontos são necessários melhorarem em relação à gestão.

E utilize as respostas dos colaboradores para planejar e definir estratégias eficientes de gestão de saúde. E que também atendam as demandas da sua empresa.

Use a transparência para coletar respostas genuínas. Assim, você irá fazer com que seus funcionários confiem mais na empresa.

Palestras e ações de bem-estar e saúde dos colaboradores

Uma excelente alternativa para as empresas que desejam promover a saúde dentro da organização, é adotar ações internas que avaliem e aliviem as dificuldades diárias dos colaboradores.

Existem inúmeras ações e alternativas que podem evitar doenças ocasionadas pelo ambiente corporativo e pelos cargos exercidos. Como, por exemplo, ficar horas sentado em frente ao computador, sem pausas regulares ou com uma postura incorreta.

Ações simples e efetivas como ginástica, massagem, yoga e acupuntura são alguns exemplos.

E ainda, promover palestras e campanhas voltadas para a saúde, com o intuito de levar conhecimento acerca das consequências provocadas por uma má postura, por exemplo, podem conscientizar seus colaboradores sobre os cuidados que devem ser mantidos não só na empresa, como também em casa.

As palestras também são uma alternativa para sair da rotina estressante. Além de influenciar um ambiente de trabalho mais agradável e confortável.

Invista em pacotes de remuneração e benefícios

Esta ação está voltada para a bonificação e a valorização dos colaboradores. Não é só o salário que está diretamente ligado à satisfação dos profissionais. Mas, também os benefícios que ajudam a promover uma maior satisfação não só dos colaboradores, como também de sua família.

Pacotes de benefícios como vale-alimentação e planos que incluem a família são alternativas excelentes para manter o colaborador satisfeito para além daquilo que está no ambiente corporativo.

Além disso, por mais que o ambiente de trabalho seja agradável e a empresa ofereça todos os recursos necessários para um bom desempenho, o salário no começo ou no final do mês faz toda a diferença. Isto é, trata-se de uma forma de recompensa e agradecimento por todo o esforço que o profissional teve ao alcançar os resultados que a empresa espera.

Elaborar um plano de carreira sólido e possível de ser alcançado por todos também é uma excelente maneira de manter os funcionários engajados e motivados.

Por fim, é óbvio que as férias são necessárias e importantes. Tanto para manutenção do bem-estar, quanto como forma de seguir a legislação.

Permitir flexibilidade de férias, de acordo com as demandas de empresa, também é uma ação que pode ser estudada e implementada para promover satisfação.

Acompanhe o bem-estar dos colaboradores

Por último, e não mesmo importante está o acompanhamento das ações e do bem-estar dos colaboradores. Em outras palavras, além de promover ações é preciso acompanhar a evolução e o bem-estar de seus colaboradores. Para, dessa forma, entender quais estratégias funcionam, e quais precisam ser aprimoradas ou substituídas.

Portanto, procure acompanhar o clima de sua equipe e faça do feedback uma prática constante. Se possível, realize avaliações amplas e completas de saúde e bem-estar, considerando as questões pessoais, emocionais, físicas, sociais e ambientais.

Ao obter os resultados, não se esqueça de analisá-los e promover ações e estratégias de gestão de saúde que irão atender as demandas específicas. Esta é uma forma de adequar as ações para obter os resultados que a empresa espera encontrar.

Conclusão

Em conclusão, contar com uma gestão de saúde na organização reflete em bons resultados. Mas, é preciso ir além de ações isoladas, como as descritas acima. Portanto, procure fazer uma análise completa do perfil de cada colaborador. Dessa forma, será possível entender quais são os problemas que mais impactam em suas vidas, nos custos e na rotina da empresa.

Assim, com base em indicadores concretos e reais, é possível planejar e executar estratégias mais assertivas de gestão de saúde e bem-estar dos colaboradores.

Além disso, as ações devem incluir não só os colaboradores. Como também os candidatos, visando uma promoção positiva da marca empregadora.

Nesse sentido, um processo seletivo bem estruturado, que visa corrigir processos demorados e que causam ansiedade nos candidatos também é uma forma de investir na saúde mental e de mostrar que a sua empresa se importa com as pessoas.

Sendo assim, investir em softwares inteligentes de recrutamento e seleção pode ser uma excelente maneira de aumentar a satisfação dos candidatos, resolver gargalos e atrasos nos processos. Bem como aumentar a assertividade na contratação.

Conheça a EMPREGARE.com, oferecemos a melhor tecnologia em termos de sistema de recrutamento e seleção para ajudar a sua empresa a otimizar seus processos. Que tal dar um passo a frente em suas contratações?

Clique aqui e agende uma demonstração com um de nossos consultores.

Por fim que você achou deste artigo? Deixe sua opinião nos comentários, e não se esqueça de compartilhar este material em suas redes sociais.

Além disso, aproveite para acompanhar mais conteúdos incríveis no nosso canal no YouTube. E para seguir a EMPREGARE.com no Instagram.

Funil de Recrutamento - entenda por que você deve conhecer
Artigo anterior Funil de Recrutamento: aprenda como contratar pessoas de forma efetiva
QUAL A IMPORTÂNCIA DA CULTURA DE FEEDBACK
Próximo artigo Cultura de Feedback: qual a importância?

Escreva um comentário

Fechar